terça-feira, 9 de agosto de 2011

Momentos de Formação Politica no Centro Ana Patricia




video


         Luta pela implantação do Campus da Universidade Federal de Sergipe no alto sertão.

O território do alto sertão sergipano é marcado por profundas contradições. Se por um lado temos o menor índice de desenvolvimento humano, por outro, somos o maior produtor de leite do estado e o segundo maior produtor de grãos. Possuímos ainda a maior área territorial e o segundo maior PIB. Aliados a isso, temos características físicas e biológicas específicas, como a vegetação de caatinga, o clima semi-árido e a presença de espécies endêmicas, o que faz o sertão se diferenciar de qualquer outra região do estado de Sergipe.
Infelizmente, fomos historicamente apresentados pelos livros de história como a região da pobreza, da sede e do êxodo rural. Tudo isso é explicado pela marca deixada pelo latifúndio, pelos “coronéis” e pela ausência de políticas publicas comprometidas com a qualidade de vida da população.
Sendo assim, defendemos e estamos em luta permanente pela instalação urgente de um Campus da Universidade Federal de Sergipe em terras sertanejas. Acreditamos que isso possibilitará a nossos filhos a oportunidade de continuar os estudos e melhorar de vida. Tão importante quanto, é a necessidade que nossa terra tem de ter uma instituição publica e de qualidade que possa colocar suas pesquisas e estudos a serviço da melhoria de vida de nossa população, desenvolvendo e socializando tecnologias apropriadas a nossa realidade e dialogando com os sonhos de nossa gente.
A implantação do Campus da UFS no Alto Sertão já é um projeto previsto no plano de expansão da UFS, que tem crescido, mas com dificuldade de interiorização. Portanto temos a reitoria da universidade como aliada do povo, que já se mobiliza.
Esta mobilização teve inicio em 2005/2006, que numa demonstração de compromisso da população foi coletada mais de 40.000 (quarenta mil) assinaturas em todo médio e alto sertão e as entregou nas mãos do então Presidente LULA, demonstrando o anseio de todo o povo sertanejo em prol da extensão do referido Campus.
Lembramos ainda, que a nossa Presidenta Dilma fez compromisso com o povo sertanejo, afirmando que, se eleita fosse, o sertão sergipano teria a bacia leiteira revitalizada, bem como, implantaria o Campus da UFS no sertão. Já em fevereiro de 2011, fomos ate a tribuna da assembléia legislativa do estado e apresentamos aos deputados o nosso desejo, conseguido de todos os presentes o compromisso com essa luta.
Desta forma, convocamos a toda sociedade sergipana a se empenhar nessa luta. Apenas com o povo organizado e com a classe política convencida e determinada, conseguiremos corrigir o erro histórico da condenação do povo sertanejo ao esquecimento.

visita no assentamento Jacaré Curituba